Header Ads

Estilista responde dúvidas sobre vestidos de casamento para você fazer a escolha certa

Não importa se você é noiva, madrinha ou convidada, escolher um vestido para um casamento é sempre uma tarefa difícil. Pedimos para a estilista Lethicia Bronstein responder perguntas feitas pela redação e por leitoras para ajudá-la nessa missão!

POR REDAÇÃO MARIE CLAIRE

Lethicia sugere que a noiva comece a procurar seu vestido assim que marcar o casamento (Foto: Thinkstock)
As dúvidas para acertar na escolha de um vestido de casamento - independente se você é noiva, madrinha, mãe da noiva ou convidada - são sempre as mesmas: será que posso usar tons claros se sou madrinha? Qual o vestido ideal para um casamento temático, como na praia ou campo? O que usar se estou grávida? Pedimos que a estilista Lethicia Bronstein respondesse essa e mais dúvidas da redação e das leitoras!
PARA NOIVAS
O que a noiva deve considerar na hora de escolher o vestido?
Primeiro, ela deve considerar ela e não se fantasiar de um personagem. Acho que hoje temos muita informação e vejo mulheres que chegam com uma foto e falam: “quero ser essa noiva”. Ela só não quer casar com o noivo daquela noiva porque o resto ela quer tudo. E às vezes ela não é aquela pessoa, mas se apaixonou por aquela imagem e pode ser que no meio do caminho ela não esteja gostando tanto e não saiba o motivo. Então ela tem que procurar referências que sejam fiéis ao que ela gosta. E levar em consideração se a cerimônia é de dia, à noite, na praia, no campo, na Igreja…Frio ou calor para noiva é psicológico porque no dia ela não sente nada…É tanta adrenalina!. Eu já tive essa prova com várias delas. Mas tem noivas que falam que querem se sentir quentinhas e outras são calorentas. Vale se respeitar, independente da estação do ano.
Quanto tempo antes ela deve começar a procurar o vestido?
Marcou o casamento já começa a olhar porque o vestido é a cereja do bolo. O casamento pode estar lindo, a festa maravilhosa, mas se a noiva não estiver se sentindo bem no vestido, nada daquilo serve. Acho que é o dia que a mulher tem que estar se sentindo mais bonita na vida dela, brinco que é o dia do Oscar! O mundo dela inteiro vai estar ali para assistir ela entrar e ela quer estar segura. Depois de procurar três meses um vestido pronto e nada te agradar, você terá que ver em estilistas para fazer um sob medida. São tantas opções que é melhor procurar o quanto antes. Até porque são muitas provas e tem que ver tudo que vai em volta: buquê, sapatos, brincos... Então vá com calma para você se divertir!
Muitas noivas optam pelas madrinhas usarem a mesma cor de vestido. Isso ainda é uma tendência ou já caiu no brega?
Ainda é uma tendência. Mas acho que uma coisa que está muito forte é escolher uma cartela de cores. A Mica Rocha casou no ano passado nas Bahamas e escolheu uma cartela em tons pastel. Essa coisa da cartela de cores - seja tons pastel, cítricos etc - é mais tendência do que todas da mesma cor. E também não limita tanto.
Escolhi uma palheta de cor e deixei a critério das madrinhas o tecido e o modelo. O que fazer para ajudá-las? 
Você pode montar um mini moodboard, que é painel de inspiração. Com o Instagram, todas as fontes e imagens que a gente tem hoje é fácil. A noiva pode até pedir ajuda pra estilista que está fazendo o vestido dela para saber se as imagens que ela se inspirou são coerentes. Depois é só mandar por email ou fazer um grupo no Whatsapp.
Ao invés de pedir para as madrinhas usarem a mesma cor de vestido, você pode escolher uma cartela de tons, como fez Mica Rocha (Foto: Reprodução/Instagram)
PARA MADRINHAS E CONVIDADAS
Vestido para madrinha num casamento diurno e noturno tem que ser diferente? O que você sugere?
É bem diferente porque à noite pode quase tudo. Às vezes um vestido que você já foi madrinha num casamento de dia, que é mais despojado, estampado vira um vestido de noite se você faz um make mais pesado e carrega nos acessórios. Mas um vestido todo bordado, com transparência, você não consegue usar num casamento de dia. Mas na dúvida opte por um que você pode usar nos dois e varie nos acessórios.
Quais são as principais regras para uma madrinha acertar no vestido?
Primeiro ela tem que saber qual é a cara do casamento. É um casamento na Igreja? É uma Igreja muito suntuosa? A cerimônia é no mesmo lugar da recepção? E acho que o vestido da noiva dá um pouco do tom. Se a noiva vai usar um vestido superbordado e as madrinha estão menos, destoa um pouco. Às vezes a noiva escolhe um vestido mais simples e você chega com um superestruturado paracendo quase uma noiva. Então uma boa dica para as madrinhas é perguntar qual é a pegada do vestido - e não como é o vestido porque acho que isso é surpresa, mesmo para as amigas. E também fugir daqueles tons claros, como gelo, champagne, bege… Cores que dão leitura de branco em foto. O nude pode porque em foto sua leitura é rosa, então está superliberado!
Quando a noiva não determina uma cor, você acha que as madrinhas devem conversarem antes para não repetir o tom?
Se a noiva não determinou, não precisa entrar nessa noia. Porque às vezes duas madrinhas vão de verde, mas quantos tons de verde existem? No meu casamento, minha sogra esqueceu que a minha mãe usaria verde e escolheu a cor. Eu disse que para ela relaxar porque eu não me importava com isso. Na hora um era verde limão e o outro verde musgo, tons bem diferentes e na foto ficou superbonito! Então se a noiva liberou, não fica nessa noia porque ao invés de curtir, todo mundo se estressa, dá briga porque uma já pegou a cor da outra...
Qual o vestido ideal para uma grávida no fim da gestação que vai ser madrinha?
Tem a grávida que só tem barriga e é magrinha e tem a que está se odiando porque inchou, engordou e não quer nem sair de casa. Mas nos dois casos, um grande problema que eu vejo é querer disfarçar a barriga. Principalmente numa fase da gestação acho que disfarçar é pior. O vestido que marca a barriga de grávida valoriza porque as pessoas veem que você está grávida e no resto você fica fina. Se você coloca algo muito largo, fica estranho, você fica sem forma e não dá para ver que você está grávida. Então o meu conselho é valorizar a barriga e deixar para fazer  ou comprar o vestido bem perto do casamento porque o corpo muda.
Para grávidas, a estilista sugere um vestido que valorize a barriga, como fizeram Olivia Wilde e Emily Blunt no MET Gala (Foto: Getty Images)
Tons mais escuros são permitidos no altar?
Brasileiro tem uma crença que preto se usa em enterro, então não traz uma energia boa. Eu acho chiquérrimo, adoraria que liberassem preto para as madrinhas. Muitas mães falam para mim que queriam tanto ir de preto. Para solucionar esse problema, indico o marinho, que é uma cor superchique e linda. Tem que só tomar cuidado para não ser aquele marinho superescuro, que acaba lendo como preto em foto.
Como escolher um look para um casamento que não é num lugar comum, como na praia ou no campo?
Acho mais fácil quando o casamento é temático. Você usa um vestido preto de seda sem nada e põe um brinco turquesa e uma rasteirinha e já está com uma cara de praia. Você coloca uma espadrille com uma pashmina bordada e já fica com uma cara de campo. Muita gente tem dificuldade porque foca no vestido, mas são os acessórios que dão o clima do lugar.
Se sou convidada, também preciso usar longo?
Não necessariamente. Tem muito vestido curto que é incrível. Mas para casamento é preciso tomar cuidado com o comprimento para não ficar com cara de vestido de balada. Não pode ser tão curto. Mas acho que um vestido curto é lindíssimo, canso de usar, uso até mais que longo. Mas você tem que caprichar no make e no cabelo. Em casamento todos têm que ter cuidado [com o visual].
Quais modelos estão em alta? O que te pedem mais?
Tem me pedido muito saia mais fluida; fenda é quase unanimidade porque dá mais conforto para dançar; e o decote na costas que dá sensualidade e elegância. A saia plissada, sucesso nos anos 90, agora voltou. O vestido com cara de lingerie - o slip dress - retorna também. Ainda não é uma coisa tão óbvia para todo tipo de corpo, mas pode ser feito de uma forma que fique bom e valorize todo mundo. Uma coisa que nunca sai de moda é a renda. Acho que um belo vestido de renda é sempre um belo vestido de renda. É também um ótimo investimento porque é uma coisa que você nunca vai tirar do armário. Daqui um, cinco, dez anos, ele vai continuar uma peça atemporal.
Como escolher o vestido quando você acha tudo que você olha lindo?
Você tem que escolher por critério de eliminação. Se você está entre cinco vestidos, por exemplo, se pergunte qual você vai usar mais uma vez. Desses que você vai usar mais de uma vez, com qual se sente confortável e em qual pode investir? Qual valorizou mais o seu corpo? Um truque muito bom quando você está na dúvida é pedir para alguém tirar uma foto sua com o vestido. Porque às vezes você não consegue decidir na hora, mas depois você olha a foto e mata a charada. E foto é como você vai ter as lembranças desse dia, então acho importante.

Nenhum comentário

Se você tem um comentário, seja ela uma dúvida, crítica ou sugestão, este espaço é aberto para você:

Tecnologia do Blogger.