Header Ads

O cansaço e o relacionamento - por Pat Perri do blog Mami`n Forma

            Vivemos na ERA do cansaço! Todos os dias nos deparamos com tal palavra saindo de nossa boca de diferentes formas: “Aí, como estou cansada e ainda tenho que fazer tudo sozinha”. “Nossa, nem acredito que cheguei em casa, estou tão cansada”. “Hoje meu filho acordou de madrugada e já levantei da cama  cansada”. “Estou cansada que nem posso imaginar pegar todo esse trânsito para voltar pra casa”. “Meu marido (namorido, companheiro) quer sair para jantar e eu estou super cansada”. “Preciso fazer lição com minha filha, mas estou muito cansada que nem enxergo as letrinhas do livro”. “Já estou tão cansada que  nem preciso ir pra academia !  E por aí vai! Quando menos esperamos a palavra sai da nossa boca.

            Nossa rotina  é cansativa e além de físico, o cansaço se torna mental também. Muitas pessoas olham para mim e me perguntam se não fico cansada de treinar de segunda à sábado. Fazer as atividades com meus 3 filhos, no mínimo 12 horas por dia, coordenar minhas funcionárias, abastecer o Blog, postar nas redes e ainda conversar e dar atenção para o marido quando ele chega! Sinceramente, sou como todas vocês, conforme o dia vai chegando ao fim, muitas vezes minhas energias vão acabando e o mais prejudicado é sempre o marido, porque chega tarde e também cansado, e mal conversamos, ou melhor mal nos olhamos.

O que traz um acúmulo de carência para o relacionamento. A mulher por se sentir a cabeça da casa, tende a dar mais atenção aos que dela necessitam, ou seja os filhos e, o marido se torna supérfluo.

Mas aí você me diz: “Eu sou sozinha, não tenho marido”! Então, pode ser ainda pior porque só sobrou você mesma!!! Tenho amigas que por serem sozinhas com seus filhos, se dedicam querendo muitas vezes fazer o papel pai-mãe e ignoram a si mesma e se perdem na rotina familiar.

O cansaço só é perigoso quando se torna fisiológico, quando você apresenta alguma deficiência no organismo, aí o problema é outro mas quando se trata de cansaço da rotina eu posso te dizer que já passei por ele inúmeras vezes e resolvi também de inúmeras formas. Passamos sempre por fases e situações que nos levam a buscar soluções diferentes.

Já busquei ajuda profissional através da terapia, já chutei o balde, meditei, dei piti, treinei, também já larguei tudo e fui descansar, ler um bom livro enquanto a casa caia (risos). Precisamos entender os sinais do nosso corpo e também ao redor de nós,  assim como ouvir as pessoas que se preocupam com você.
Se nossos filhos estão saudáveis, seguros, bem alimentados e felizes, o que mais importa? Ahhh, ai que mora a questão! Pra que tudo fique bem, nós também temos que estar, então permita-se estar cansada sim, mas não VIVER cansada. Porque com isso as pessoas também podem cansar de você!

Procure um equilíbrio, aprenda a ouvir seu corpo e quando ele der sinal, respeite. Organização do tempo, saber falar sem excessos (de trabalho, rotina, pessoas negativas, falta de tempo pra se cuidar,  ...), se permita a ter momentos só seus (atividades físicas, meditação, massagem,  spa, viajar, dormir a hora que tiver vontade, ficar um dia todo de pijamas, se arrumar sem ter pra onde ir) enfim, eleja momentos que você se permitirá fazer o que quiser.

E quanto a questão marido esquecido, minha solução aqui em casa foi uma decisão que tivemos juntos. Pelo menos duas vezes ao ano, escolhemos algum lugar pra viajarmos só nós dois e posso afirmar que ajudou bastante no nosso relacionamento. No começo saíamos para jantar, ir ao cinema, ao teatro pelo menos a cada 15 dias, depois vieram as viagens que são programadas uma por semestre e sempre longe das férias escolares.

Mas se você não tem ninguém de confiança para deixar às crianças, enquanto não arruma alguém, pode começar pelo menos com um jantar depois que todos já foram dormir e quando arrumar a pessoa certa, comece pelo menos com uma viagem de final de semana, você já vai notar uma boa diferença.

Agora para minhas queridas que estão sozinhas, conhecendo ou só enroladas (risos) Ahhh essas também devem deixar suas crianças com alguém de sua máxima confiança e curtir, escolha um lugar que nunca foi, vale um passeio ou uma boa viagem, mas permita-se. Posso dizer com toda certeza, muitas vezes a companhia de nós mesmas não é solitária, é SURPREENDENTE!

Pat Perri – blogueira fit
Instagram: @maminforma
Fanpage: Mami’N Forma



 Refletir, Relaxar e Parar um pouco pra poder seguir





Praticando esporte com o marido




Curtindo a viagem a dois pela Itália




Cuidar de si não é luxo e se amar




 Nunca descuide da sua saúde, escolha a atividade física que preferir 






Nenhum comentário

Se você tem um comentário, seja ela uma dúvida, crítica ou sugestão, este espaço é aberto para você:

Tecnologia do Blogger.